Espaço de textos, estudos, ensaios e opiniões do Pastor João Viegas

18
Fev 15

Foi colocado hoje à venda o novo livro do Bruno Vieira Amaral (editado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos), intitulado 'ALELUIA', que retrata a realidade do Cristianismo Evangélico em Portugal. O lançamento será em Março de 2015.

 

Foi com muita honra que, tanto eu como o Ministério que pastoreio, foram alvo de estudo e análise do Bruno. Também fizeram parte outros irmãos em Cristo, que independentemente das denominações (que para mim são apenas 'escolas' para o Caminho), têm em comum o mesmo que nós: Jesus no coração!

 

A escrita do Bruno, que não me era desconhecida, torna a leitura leve e esfomeada: lê-se bem, entende-se bem e dá sempre vontade de continuar a ler.

 

Gostei muito da perspetiva que ele deu, nomeadamente focando algo que (não sei se propositado) é uma realidade desde meados da primeira década do século XXI: o Reino de Deus tem crescido mais do que o que imaginamos. Não tanto pelas denominações com muitos membros, ou pelos Neo-Pentecostais (e chamo-lhes assim à minha responsabilidade), mas pelas pequenas sementes que têm saído das grandes sementeiras e que têm vindo a gerar novas colheitas, mudanças de paradigma, novos campos missionários, novas 'escolas'. E em muitas delas, o aroma da Igreja primitiva, o amor genuíno, a Palavra da Verdade (que muitas vezes os fazem impopulares), os Dons do Espírito Santo e o foco nas famílias, nas pessoas e em Jesus, como centro impulsionador, pedra de esquina e base fundamental para o engrandecer do Trono de Deus.

 

Sim, em tempos estive e fiz parte de uma denominação neo-pentecostal. Saí antes que morresse espiritualmente. E hoje alegro-me por ter saído.

 

Penso que o Bruno foi justo na análise que fez de mim e da comunidade que Pastoreio. E há uma crítica (e ainda bem que a há, porque seria perigosamente beliscado na sua neutralidade e capacidade de estudo independente), a qual aceitei e aceito bem. Tão bem, que já ponderei e alterei a minha postura no que toca ao assunto e em relação ao Ministério. Um par de olhos frescos, independentes, ajuda-nos sempre a ver melhor. Já o Espírito o dizia às Igrejas, nas 7 cartas que dirigiu, relatadas em Apocalipse, para "...que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas..." (Apocalipse 3:18).

 

Quanto ao fator que ele refere como alavanca para dar a conhecer os evangélicos em Portugal, na opinião dele ser a tentativa de aquisição do Coliseu do Porto pela IURD, tenho tendências a discordar, pois considero que houve muitos eventos e acontecimentos que deram a conhecer a vertente cristã evangélica (recordo-me das visitas de grandes Evangelistas e Homens de Deus, entre 1950 e 1974; 70x7 - O programa televisivo na RTP2; Euro-Fire em Lisboa, 1990; etc.).

Mas sou da opinião que o que se passou naquele ano, no Porto, foi uma forma de se 'separar as ovelhas dos bodes', pois aí nasceu o conceito neo-pentecostal, que tenta passar por cima da lei, que centra a sua doutrina no dinheiro e na 'bênção', que lança o culto do homem (super-Pastor) em lugar do culto a Deus, que se esmera por operar nas emoções, ou na espiritualidade negra (quase a roçar o oculto), que se fundamenta em técnicas de marketing e cujo livro principal não é a Bíblia, mas sim o livro mais recente do Líder supremo, que critica a Igreja Católica, mas opera no mesmo registo, apenas com um ar mais descontraído e mais secular... isto tudo num país que até então tinha a Igreja Católica e os outros (os 'protestantes', embora fossem cada vez mais)!

Quase todas as medidas tomadas após o evento 'Coliseu do Porto' (que eu recordo bem, do 'topo' dos meus 16 anos) foram para impedir que os neo-pentecostais pudessem controlar ou dominar a esperança, doutrina, postura e testemunho dos evangélicos, que ainda hoje lutam para fazer perdurar a boa obra iniciada há já mais de 100 anos.

 

Estou grato a Deus, por ter encaminhado o Bruno até nós, porque se porventura nós o ajudámos, também ele nos ajudou. E isto é cristianismo.

 

Estou grato a Deus, porque pude falar abertamente da minha experiência, passados estes 8 anos.

8 anos de liberdade e verdade. 8 anos de consciência tranquila.

8 anos a ser não-denominacional!

 

E o balanço que faço é que cada dia estou mais apaixonado por Jesus Cristo. Cada dia que passa, fico mais apaixonado pelo Pastorado, pelas pessoas, pelas famílias, pela comunidade que pastoreio.

Cada vez mais, estou apaixonado por servir a Deus.

 

Que este livro vos possa ajudar a ter maior fome e sede de Deus e de O servir.

 

Jv

 

 

 

publicado por Jv às 15:18

11
Jan 12
QUEBRANTAMENTO
O caminho para uma vida feliz


"...E o Senhor apareceu de noite a Salomão e lhe disse: Eu ouvi a tua oração e escolhi para mim este lugar para casa de sacrifício. Se eu cerrar o céu de modo que não haja chuva, ou se ordenar aos gafanhotos que consumam a terra, ou se enviar a peste entre o meu povo; e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se desviar dos seus maus caminhos, então eu ouvirei do céu, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração que se fizer neste lugar. Pois agora escolhi e consagrei esta casa, para que nela esteja o meu nome para sempre; e nela estarão fixos os meus olhos e o meu coração perpetuamente..." (II Crónicas 7:12 a 16)

Quebrantamento é sabermos quem somos, reconhecermos as nossas limitações (humildade), e nos submetermos a vontade de Deus. Não significa ter um semblante triste, melancólico, abatido; nunca sorrir e só chorar.

Existem pessoas que derramam "rios de lágrimas" e nunca experimentaram o verdadeiro quebrantamento!

Quebrantamento não é um sentimento, mas uma decisão; não é uma experiência única, mas é um processo, um contínuo modo de viver. Quebrantamento é a destruição da nossa vontade, a fim de que a vida e o Espírito do Senhor Jesus operem através de nós.

Deus permite situações na nossa vida para que haja quebrantamento. Ele quer usar pessoas quebrantadas e não orgulhosas!

Quebrantamento é um processo difícil e doloroso, mas que produzirá bons frutos na nossa vida. Nos levará a uma comunhão e uma dependência maior de Deus. É um processo interno, que começa no nosso coração e vai transparecendo para o resto da nossa vida – Deus procura corações perto d’Ele e não aparências exteriores (I Samuel 16:7)

Deus quebrantou Moisés, Elias, José, Abraão, Paulo, Pedro… e quer quebrantar a si e a mim!

As 4 bênçãos do quebrantamento
A Palavra de Deus ensina que o quebrantamento traz bênçãos (Mateus 5:3)(Salmos 128:1 a 4)

1- Deus se aproxima do quebrantado (Salmos 34:15 a 20)
Ele levanta o humilde e não despreza o coração quebrantado (Isaías 42:3 a 7)

2- Quebrantamento aumenta a nossa capacidade de adorar e depender de Deus (Salmos 116:1 e 2)
Quando nos quebrantamos, limpamos o nosso ser de toda a impureza, para nos aproximarmos d’Ele!

3 - O quebrantamento aumenta a nossa capacidade de produzir bons frutos (Mateus 7:16 a 20)
Deus usa vasos (pessoas) quebrantados!

4 - O quebrantamento traz avivamento (Isaías 58:8 e 9)
O derramamento do Espírito Santo!

Por onde devo começar? - 4 Passos:
1.º Precisamos ver bem quem Deus é e quem realmente nós somos!

2.º Precisamos de pedir perdão (arrependimento) do nosso orgulho e clamar por misericórdia!

3.º Precisamos de aprender a reconhecer e falar a nossa necessidade espiritual:
"Sou eu, Senhor, quem precisa de transformação, e não o meu irmão ou minha irmã!"

4.º Precisamos de ser obedientes e sensíveis à vontade e direção do Senhor Deus!

Para termos vitória neste ano, precisamos de nos quebrantar, humilhar, adorar, orar e confiar!
Deus vos abençoe!
Pst. João Viegas
pastor@ministeriosjoaoviegas.org



publicado por Jv às 01:30

03
Ago 11
Queridos(as) e Amados(as) em Cristo,
 
Quatro meses se passaram desde a abertura da nossa Igreja sede e as obras ainda continuam. Apesar de tudo o que já foi feito, temos ainda longas semanas de pinturas e obras de melhoramento pela frente. E Graças a Deus que corações voluntários e talentosos estão a juntar-se a este Projecto tremendo do Senhor Deus! Bendito seja o Nome do Senhor!
 
Queremos agradecer, do fundo do coração, as sementes que nos têm enviado e que têm vindo de tantas partes do mundo! Desde ofertas financeiras, materiais para as obras, muito amor, Oração, materiais para a Igreja Infantil! Estamos gratos a todos! Que o Senhor Deus possa continuar a usar-se de todos vocês para o crescimento desta Casa de Deus!
 
Nesta mesma semana, efectuámos a aquisição de mais 60 cadeiras, um púlpito novo em acrílico, um palco novo com as medidas necessárias e respectivos materiais de revestimento, entre outras coisas... 
 
Adquirimos também um projector de vídeo novo, uma máquina de café,  uma mesa de som, colunas de som, um amplificador, microfones e cabos, para melhor equipar a casa do Senhor!
 
Temos ainda o projecto para um duplicador de CD's,  ar-condicionado e a construção de salas na área livre da Igreja (Sala de arrumos, sala da Acção Social, Igreja Infantil, sala de oração, Escritório Pastoral e um pequeno estúdio para gravação de programas de TV... tudo isto parecem projectos difíceis, mas em Nome de Jesus, já são uma realidade! 
 
Se o Senhor tocar no seu coração, semeie em nós!
 
Lembre-se: Somos os únicos seres em todo o universo que têm o poder criativo de Deus. E a isto, podemos juntar o poder de 'chamar as coisas que não são, como se já fossem' (Romanos 4:17)
 
Creia no sobrenatural de Deus!  
Nestes últimos tempos, grandes coisas têm sucedido, tanto em nós particularmente, como no mundo inteiro no geral. Grandes coisas temos aprendido e a vontade de seguir a Jesus é cada vez maior! Sentimos o aproximar, a passos largos, da 2.ª vinda de Jesus, com todos os fenómenos naturais, sociais e espirituais que estão a surgir diante dos nossos olhos e não há nada melhor do que estarmos bem atentos e activos no serviço ao Senhor Jesus porque "...Se alguém me quiser servir, siga-me; e onde eu estiver, ali estará também o meu servo; se alguém me servir, o Pai o honrará..." (João 12:26). 

 

Por isso quero exortar todos a prosseguirem na sua caminhada com Jesus, não ficando em casa, mas congregando numa Igreja, enquanto escola e também enquanto família "...e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações. Em cada alma havia temor, e muitos prodígios e sinais eram feitos pelos apóstolos. Todos os que criam estavam unidos e tinham tudo em comum..." (Actos 2:42 a 44)!  

 

 
De qualquer das formas, todos quantos sentirem no seu coração estarem connosco, para juntos podermos louvar ao Senhor pela sua fidelidade e infabilidade, serão bem-vindos e bem recebidos com Amor e em Nome de Jesus.
 
Ministérios João Viegas
----------------------------------------------------------
Rua de Santo Eloy, n.º 53-A
1675 - 178 Pontinha
----------------------------------------------------------
+351 966 711 188 
Skype: minjviegas 
 
Cultos:
6.ª Feira (21h) - Culto dos Dons do Espírito Santo
Domingo (10h) - Culto da Palavra e do Poder de Deus 
Grupos Familiares: 
4.ª Feira (21h) - Camarate, Parede, Pontinha, Lisboa, Odivelas, St.º Ant.º Cavaleiros, Rana e Rio de Mouro  
 

Os transportes públicos disponíveis são: (Clique nos links abaixo)

Metropolitano de Lisboa
Linha Azul: Estação da Pontinha (600m da Igreja)
 
Autocarros da Carris
Diurnos: 747, 726, 724, 729, 768
Nocturnos: 202, 205
 
Autocarros da Rodoviária de Lisboa:
Linha Amarela: 203, 205, 206, 210, 222, 223, 224, 227, 228, 231, 236
 
Autocarros da Lisboa Transportes:
Diurnos: 143, 168, 181
Veja aqui as fotos da última campanha
publicado por Jv às 19:51

mais sobre mim
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


arquivos
pesquisar